OUTRO “MURO” MARXISTA QUE COMEÇA A DESMORONAR…

"Estamos às portas de uma mudança dramática do cenário político e diplomático mundial. Aproximam-se turbulências. Porém será a primeira vez em muito tempo que um bloque sólido de países enfrenta o muro do marxismo cultural imperante em eixos fundamentais". Por: Carlos Polo – In: “Actuall”– 04/12/2018 * Tradução-versão por: Juan Koffler (Blumenau/Brasil) "Assim como ninguém esperava... Continuar Lendo →

Estaria o humano retrocedendo em seu nível civilizatório?

A violência (lato sensu) como padrão preponderante... Parte I Um contexto... "Nós somos os assassinos mais implacáveis e inconscientes  do planeta Terra" (Fields, 2016; Koffler, 1976).  O ser humano nunca se conformou, desde remotíssimas eras, com sua "herança original", aquela que lhe ditava ser mais uma espécie dentre as milhões de outras que com ele sempre... Continuar Lendo →

“Marcuse é culpável”

(Texto traduzido e reproduzido do original em Espanhol, de autoria de Francisco José Contreras, publicado originalmente em 26 de outubro de 2018 no site "Disidentia" - Disponível em: <https://disidentia.com/marcuse-es-culpable/&gt;). Tradução e interpretação: Juan Koffler - Brasil. ⊕ "Sou o espírito que sempre nega [Ich bin der Geist, der stets verneint]”, disse de si mesmo o Mefistofeles... Continuar Lendo →

Hugo J. Byrne – Jair Bolsonaro ¿Un trump carioca?

Segue um artigo que penso deva ser lido e analisado profundamente por todos os que se preocupam com nossa pátria. É sobre o colega militar, candidato à presidência, Jair Bolsonaro. O analista autor do artigo é direto e franco em seus posicionamentos em favor de Bolsonaro. Aliás, não exagerou nem subestimou; foi estritamente fiel à realidade e à verdade!
Embora esteja em espanhol, é facilmente compreensível. Leiam e repassem sem piedade! Talvez eu o traduza nos próximos dias, mas não posso garantizar isto, devido ao acúmulo de trabalho.
Uma excelente semana para todos!!
SOMOS 17 E SEMPRE SEREMOS, SEM DISCUSSÃO!!!!
BOLSONARO PRESIDENTE, SEMPRE!!!!!

The Bosch's Blog

Jair Messias Bolsonaro

Por si las moscas no voy a encumbrar a Bolsonaro como al Mesías (aunque su segundo nombre se traduzca del portugués como tal). He sufrido muchas decepciones con otros políticos centro y suramericanos. El mejor ejemplo histórico es el pillo de Juan Manuel Santos, quien ganara la presidencia de Colombia apoyándose en su record como Ministro de Defensa del Presidente Uribe. Una vez instalado en la Casa de Gobierno, Santos traicionó el legado de Uribe aceptando una componenda con los asesinos violadores y piratas de la narco-guerrilla.

Ese “parto de los montes” lo realizó en contubernio asqueroso con la tiranía totalitaria de La Habana. Allí se retrató muy satisfecho abrazando nada menos que a Raúl Castro (“la China”), quien chorrea sangre de colombianos inocentes.

Lo único que puedo afirmar en el caso de Bolsonaro es que todo cuanto he leído sobre él es bueno. Además y…

Ver o post original 709 mais palavras

Asco 

Infelizmente, es un fenómeno que se extendió por todo el continente, nada silenciosamente, a las vistas de pretensos “líderes” demócratas y de los falsos “órganos de protección internacional” (ONU et caterva), que nada más son sino “chupasangres” de la humanidad!
Manténgase una sociedad en la más profunda ignorancia y se tendrá una régia colección de “esclavos útiles” a servicio de pseudo-humanos travestidos de “mandatarios gubernamentales”. Esto es lo que sucede en toda América Latina y Central.
Un verdadero desastre! Un crimen de lesa-humanidad! Un asqueroso genocídio oficializado y cancelado por aquellos que, paradójicamente, deberían ocupar o lugar de DEFENSORES de sus respectivas patrias!!!
Mi tesis de 1976 nunca foi tan actual! El ser humano es “un producto mal-terminado”, altamente defectuoso, inútil, asqueroso en su esencia!

The Bosch's Blog

Pareciera el final de lo que se siente contra un narcogobierno totalitario como el venezolano actual. Desde el asombro y el rechazo  instintivo hacia el castrochavismo, disfrazado con la etiqueta de régimen demócrata sin careta, con el sincero “por ahora” pronunciado en pleno Miraflores por el golpista Hugo Rafael Chávez, mediocre paracaidista, comandante de los insurgentes que se bautizaron con el intento de asesinar al presidente en ejercicio Carlos Andrés Pérez.

Por Alicia Freilich

El resto es consecuencia. De la reacción iracunda hasta la indignación ética hay un trecho largo y se puede autocontrolar por algún tiempo, con recursos  consoladores: “esto pasará”, pues podemos imitar lo que sucedió el 23 de enero de 1958, “no somos isla como Cuba”,  tenemos fronteras abiertas” y  peor, “los vamos a sacar con votos”, incluso luego de ganar electoralmente tantas veces y engañados con los resultados de su oficialista CNE. En fin, una crónica…

Ver o post original 407 mais palavras

O Que a Justiça Tem a Ver Com a Política?

Esta é uma questão que, creiam-me, não é nada fácil de ser respondida com acuracidade. Para uma larga parcela social (preponderante?), a Justiça é lerda, tarda e – o que é muito mais grave pois que com demasiada frequência – falha, inobstante a frágil defesa de outra parcela, bem menos significativa, que segue o axioma... Continuar Lendo →

UMA REFLEXÃO… SEMPRE FAZ BEM…

Eu nasci torto e no espaço/tempo errado. Deveria ter nascido no remoto passado, quando as desavenças não persistiam; eram eliminadas sumariamente. Perdia o mais fraco ou o mais idiotizado (aliás, como temos indivíduos hoje, desta última classe; são maioria, certamente!). Em 1976, escrevi minha tese "O homem: esse projeto mal-acabado". Sim! Concluíra, depois de longas,... Continuar Lendo →

FOGUEIRA DAS VAIDADES: DESENHO A TRAÇOS RÁPIDOS DO “CENÁRIO BRASIL”

Não me resta qualquer dúvida: nossa pátria tornou-se um verdadeiro "campo de batalha circense", no qual nós, cidadãos cônscios, comprometidos com a nação, tementes e respeitadores das leis, honestos, trabalhadores e criadores de riquezas, tornamo-nos os "palhaços da corte", enquanto a marginália organizada e institucionalizada pela leniência e permissividade normativo-legal estatal opera em campo aberto... Continuar Lendo →

O bizarro circo do “atentado” à comitiva do intragável “cacique petralha”…

Para começo de conversa: São tão escancarados os indícios de fraude em tal notícia-reportagem que chegam a ser risíveis, ou melhor, tragicômicos; tal a ânsia desvairada desse indivíduo intragável, manipulador, egôlatra, incompetente, capcioso e seu bando de seguidores-zumbis, em fazer desse episódio incongruente o seu "cavalo de Tróia" junto àquela parcela desavisada da sociedade que, paradoxalmente, ainda... Continuar Lendo →

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: